Cinema em dobro: O Caçador e o Livro da Selva

movies.jpg

Neste fim de semana fiz algo que não acontece há tempos!! Fui ao cinema dois dias seguidos!! No sábado assisti a ‘O Caçador e a Rainha de Gelo’ e no domingo; Mogli – O menino lobo (O livro da selva). Dois filmes de aventura e cada um com características particulares muito interessantes.

No primeiro, a interpretação de Emily Blunt e Charlize Theron como as irmãs Freya e Ravenna. Tudo bem, o título do filme destaca o caçador e apesar do bom humor que o personagem traz ao filme, o destaque fica por conta das duas rainhas. Gosto do tipo de maldade que a personagem de Theron pratica. Você quer odiá-la, mas a acha fascinante. A garota que ganhou destaque como uma das assistentes de Miranda Priestly em o Diabo Veste Prada, Blunt arrasa na tela como a Rainha de Gelo, um coração endurecido por uma perda e que precisa desesperadamente de redenção.

Mogli – O Menino Lobo, é tão emocionante quanto ‘O Caçador’, mas não pelas cenas de ação. Acho importante elogiar a interpretação do menino Neel Sethi. Poderíamos dizer que é um filme de um ator só, pois basicamente é o garoto contracenando com o cenário e paisagens feitas com efeitos especiais. O que me emocionou foi o momento em que Mogli e Balu, o amigo urso cantam a música ‘Somente o Necessário’, que aqui no Brasil foi interpretada pelo ator Marcos Palmeira e o jovem Arthur Valadares.

Fui imediatamente transportado a minha infância e foi muito bonito quando percebi que um pai com seus dois filhos cantavam a música acompanhando o filme. Tem coisa mais linda que uma pessoa que cresce, mantém o espírito jovem e transmite a pureza de histórias como Mogli para próximas gerações? Tiro o meu chapéu para cenas assim. Assisti aos dois filmes em ótima companhia, foi um excelente fim de semana e recomendo os longa-metragens a vocês. ❤

A VOLTA DO QUE É LEGAL!!!

maxresdefault (1)

Eu escolhi essa imagem da série Fuller House para representar esse post porque muitas coisas legais estão de volta e essa série é uma delas. Essa série acompanhou o crescimento de muitos de nós e  acompanhamos o crescimento dessas meninas que agora estão de volta em uma temporada divertidíssima. Muitas risadas com os episódios, muita nostalgia. E tem outras coisas do meu gosto que estão de volta como Gilmore Girls e Xena – A Princesa Guerreira, que recentemente teve o anúncio de um reboot.

O que a gente assiste reflete um pouco do que sentimos e esse post é mais sobre isso do que apenas dizer: Olha que legal tal série que voltou. Como Sailor Moon por exemplo, que é um anime que eu completamente amo, tenho adoração e já está em sua terceira temporada de uma adaptação fiel ao mangá. Para quem não sabe o que é anime e mangá, são desenho animado e quadrinho japonês, respectivamente.

Aspectos legais da nossa vida voltam também. No dia dois de junho de 2014 eu me mudei para São Paulo e já já serão dois anos. Eu senti medo, sinto falta dos meus amigos,da minha família, fui assaltado de uma maneira agressiva, algo que nunca tinha me acontecido  e  tive momentos em que pensei que minha vida nunca mais seria como antes e associei isso a algo ruim, mas nossas vidas não serem mais como antes não é necessariamente um mal.

Surgem novos amigos,  amores e tudo o que era é bom permanece e soma tornando nossas vidas melhores ainda. Guardemos as boas recordações e abracemos o novo. Porque o medo apenas nos impede de prosseguir então precisamos nos despir dele. Apenas não deixem de ter medo de atravessar a rua sem olhar para os dois lados, porque os ônibus continuam transitando, isso não é aquele documentário ‘O Mundo sem as Pessoas’ (risos) . Um grande beijo e fiquem todos com Deus 😀